O PAPEL DO POVO E SUA VOZ NA HISTÓRIA DO BRASIL

0
307
O Povo Na História do Brasil

O PAPEL DO POVO E SUA VOZ NA HISTÓRIA DO BRASIL

Com uma abordagem histórica, Luisa Rauter mostra como o povo conseguiu seu papel fundamental nas decisões políticas no Brasil – século XVIII a meados de XIX.

O Povo Na História do Brasil

Hoje em dia, o povo tem papel fundamental na política do Brasil, mas será que foi sempre assim? Esta obra de Luisa Rauter Pereira aborda o conceito de “povo” a partir do uso da linguagem política em um período que vai de meados do século XVIII a meados do XIX. A autora propõe uma reflexão histórica e apresenta, inicialmente, uma análise de alguns autores do pensamento fundamental social, discorrendo em seguida sobre a ligação desse conceito com a elevação da política e do papel do povo nesse sentido. A autora faz uso de “subcontextos” que expressam as principais fases desse debate político.

A obra mostra que, no século XVIII, o Regime Luso-Brasileiro foi marcado por revoluções e revoltas que, através do povo, anunciavam o fim do domínio português no Brasil, trazendo a soberania de volta ao povo, que antes possuía o terceiro estado na ordem da sociedade, composta por nobreza, clero e povo. A obra também destaca os debates que foram realizados na época em prol de melhorias para o povo e a relação entre povos e reis ocorrida na época.

No período da independência, é mostrado o processo que foi remodelado em torno do conceito de povo, mas esse conceito se dividiu em duas vertentes: a primeira era democrática, na qual o povo teria participação ampla e direta, sendo soberano e a segunda se referia aos “homens do estado”, em que o povo não teria soberania única, mas seria representado por assembleias junto ao Imperador, de forma que povo e Monarca seriam participantes em comunhão e harmonia. A obra também aborda o conceito político de povo no período regencial, umas das décadas mais importantes de formação e consolidação do Estado Nacional Brasileiro e também a mais decisiva de historicização do conceito de povo (1830 a 1840).

Na década anterior, o país explodiu em revoluções e começou a ser realmente notado, começaram os debates em assembleias sobre liberdade no país para o livre comércio e também o fim de tráfico dos escravos, sendo as atitudes do então Imperador D. Pedro criticadas severamente pela imprensa e pela sociedade. O povo se dividiu com revoluções “moderadas” e “exaltadas” que trouxeram resultados, lutando contra o despotismo do Imperador, que abdicou de seu cargo. A autora mostra a diferença dessas revoluções e o caráter semântico de cada uma delas. Esses embates políticos também geraram o conceito de povo-nação.

A autora também aborda em sua obra a evolução do povo na geração de 1870, quando os pilares da tradição política imperial foram questionados. Através de uma linguagem política renovada, Luisa finaliza a obra com uma nova frente ao que veio tratando nos capítulos anteriores, também abordando a questão, tratada na mesma década, referente ao fato de o povo ser capaz de reger-se a si mesmo e à evolução política, às mudanças rumo à modernização, democratização e república. Sob a perspectiva da historicização da linguagem política moderna, a obra analisa várias linhas de transformação no conceito político e do povo.
Luisa Rauter Pereira é historiadora e tem publicado diversos capítulos e artigos, atuando nas áreas de Teoria e História da Historiografia, História das Linguagens e Conceitos Políticos no Brasil.

Ficha Técnica
Editora: Paco Editorial
Autor: Luisa Rauter Pereira
Páginas: 340
Formato: 14×21 cm
ISBN: 9788546205783

Sobre o autor:
Luisa Rauter Pereira é historiadora e professora do Departamento de História da Universidade Federal de Ouro Preto. Doutora em Ciência Política pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro, mestre em História pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro e graduada em História pela Universidade Federal Fluminense, atua nas áreas de Teoria e História da Historiografia, História das Linguagens e Conceitos Políticos no Brasil. A autora tem publicado diversos capítulos de livros e artigos em revistas especializadas, participando de diversos projetos de pesquisa em tais áreas.

Informações a Imprensa
Tais Bruna Castro
Paco Editorial
www.pacolivros.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here